Estrias

As estrias surgem quando ocorre o rompimento das fibras responsáveis pela elasticidade da pele.

Elas se rompem por diversos motivos: aumento de peso brusco, seja em uma gravidez ou pelo “efeito sanfona”; durante a fase da puberdade, no crescimento acelerado; por causa de alguns medicamentos.

O aparecimento das estrias é determinado principalmente pela genética, as vezes nos deparamos com pacientes obesas sem nenhuma estria, e outras, que com uma pequena distensão da pele formam muitas estrias. Isso tudo se deve a genética de cada uma.

A alimentação e muito importante para se evitar o aparecimento das estrias, deve ser pobre em doces e gorduras, rica em vitamina c, e ingestão de pelo menos 8 copos de água por dia, tudo para ajudar na produção de colágeno, com a finalidade de melhorar a elasticidade da pele.Os exercício físicos são também importantes, pois alem de diminuir o acumulo de gordura, o músculo estimulado propicia uma melhor circulação local, tanto sanguínea como também linfáticas. Uma circulação linfática eficiente faz com que tenha menos inchaço e por conseguinte menor distensão. Porém, exercícios de musculação que visem a hipertrofia do músculo pode propiciar o aparecimento de novas estrias ressalta Dr Claudio Mutti.

Para se combater as estrias, alem das orientações acima, é preciso manter a pele bem hidratada, se possível hidratar pelo menos 2 vezes ao dia. Cremes a base de óleo de amêndoa, Aloe vera, hamamelis, uréia, acido latico, auxiliam no processo de hidratação e regeneração celular. A boa hidratação permite maior distensão sem arrebentar a pele, o que daria lugar as estrias.